Sábado, 28 de Junho de 2008

Sexta Speed Racer

 

(Audi R8 @ Foto by Tite)

 

Blogueiros, a última sexta-feira, dia 27, foi um dia especial. Recebi o convite de um velho amigo, Charles Marzanasco Filho, assessor de imprensa da Audi do Brasil, para participar do Audi Sportscar Experience, uma mistura de test-drive com aula de pilotagem, na pista particular da Fazenda Capuava. Os carros usados no curso eram o R8 da foto acima, com 420 cavalitchos e o TT Coupè (200 little horses).

 

(Audi TT na pista. Foto:Tite)

 

Assim que cheguei dei de cara com outro velho amigo, o ex-piloto Maurízio Sandro Sala, um dos responsáveis por eu ter virado também um piloto de kart nos anos 70. Maurizinho era um dos instrutores e fiquei muito feliz de vê-lo depois de tanto tempo. Ele foi um dos melhores pilotos de kart que já vi, foi bicampeão inglês de F-Ford (1983/84), vice campeão inglês de F-3 em 86 e teria facilmente chegado à F1 não fosse a falta de apoio dos patrocinadoroes brasileiros. Para saber mais sobre ele, digite "Maurizio Sandro Sala" no Google.

 

Vou pular a parte da aula teórica pra não te encher, mas aprendi muito sobre as reações dos atuais esportivos com tração 4x4, sobre a eletrônica embarcada, cãmbio semi-automático, embreagem dupla, etc. Agora entendi porque os atuais pilotos de F1 são magrelos, não se faz mais força pra pilotar!

 

 

(Eu e o R8. Foto:Rodrigo Samy)

 

Também não vou pentelhar você com dados técnicos dos carros. Cáspita, vc está na internet, vá no site da Audi e leia tudo!!!

 

Quero contar o que é acelerar, frear e curvar com um carro de 400 cavalos, tração 4x4 e pneus feitos de chiclete preto.

 

Depois de me enteder com o câmbio do R8 fui fazer o teste de frenagem com desvio para sentir o ABS. A coisa é assim: primeiro, na aceleração a minha cabeça colou no apoio do banco e senti meu estômago embrulhar. Não é tão rápido quanto acelerar uma moto esportiva de 180 cavalos, mas graças aos controles eletrônicos e aos sapatos mega largos, o carro traciona tanto que o cérebro não acompanha. Depois finquei o pé no freio com fúria e ainda virei o volante. Não é que o R8 desvia mesmo!!!

 

(Tá cheio de cavalo! Foto:Tite)

 

Não pudemos rodar livres na pista, mas sempre atrás de um instrutor. Mesmo assim, sem poder acelerar tudo na reta, foi possível sentir o que é um carro esportivo moderno de 420 cv. Ao contrário das motos, esse motor V-8 corta muito cedo, a apenas 7.800 rpm. O que me confundiu um pouco no começo, porque estou acostumado a ver o conta-giros cortara a limites acima de 13.000 rpm. Bom, depois que se acelera uma moto de 0 a 100 km/h em 2,5 segundos não tem como achar emocionante algo que demora 4,5 segundos pra percorrer a mesma distância.

 

O que me impressionou mesmo foi a atuação dos sistemas eletrônicos de tração e estabilidade. É o que eu chamaria de "idiot-proof" para pilotagem. Fiz de tudo para o R8 sair de frente ou de traseira, mas nada! Parece um autorama!!! Cheguei a frear muito depois do ponto e nada da frente ir embora. Ah, e também não dá pra forçar o contra-esterço na entrada da curva porque a eletrônica percebe que a manobra é estranha e corrige tudo sozinha.

 

A parte engraçada é que existe um botão no painel para "desligar" esse sistema, mas é apenas um truque, porque ele continua funcionando!

 

(painel do R8. Foto:Audi)

 

Falando em painel, cara, isso é um carro esporte: o banco pode ser regulado de todo jeito, pra qualquer tamanho de pangaré. O câmbio é acionado pelas borboletas e como você já sabe, fui criado em motos de corrida e por isso não olho pra nada mais além de conta-giros, por isso não me perguntem sobre velocidades.

 

O curioso desse câmbio borboletudo é que nas reduções o motor dá uma acelerada sozinho, como se fosse um punta-tacco, só que não tem embreagem. Nese cockpit senti falta de uma proteção pro joelho direito, porque na curvas pra esquerda eu apoiava o peso no joelho e depois de um tempo começa a doer...

 

(pode escolher à vontade! Foto:Tite)

 

Depois de curtir o prazer de fincar a bota num esportivo de 550 mil reais (não, não foi o veículo mais caro que pilotei na vida!) chegou a hora de ver como era o Audi TT Coupé.

 

(TT carro do TiTe! Foto:Tite)

 

Já tinha pilotado esse pequenino no kartódromo da Aldeia da Serra, SP, mas é como saltar de asa delta da mesa da cozinha: não deu pra sentir nada!

 

No estreito autódromo de Capuava (em Indaiatuba, SP) esse TT é mais na medida do que o brutal R8. O câmbio também tem opção da borboleta, mas preferi usar no automático, no modo esportivo. Demora pra acostumar, mas depois ele fica previsível. Por ser menor, mais leve e menos potente, o TT é mais desfrutável e aí sim eu me diverti!

 

Também tentei várias vezes colocar o carro de lado nas curvas, mas não vai. Ele corrige tudo sozinho, que saco! Fiquei rezando pra chover, mas nem isso...

 

Com o motor 2.0 de 4 cilindros e 200 cv deu a sensação de ser fraco mesmo (lembre, meu mundo é das motos...). Pelos dados da Audi ele faz de 0 a 100 km/h em 6,4 segundos. Putz é uma eternidade... E por ter tração dianteira o volante é mais arisco nas saídas de curva.

 

Mesmo sendo muito divertido de pilotar num autódromo curto e estreito, não senti frisson nesse roadster e acho que por R$ 220.000 preferia ter uma Ferrari bem usada. Me deu a sensação de ser um esportivo de quem não gosta de acelerar, embora 200 cv num motor 2.0 não é de se jogar fora, em se tratando de carro, claro, porque as motos esportivas de 1.000 já têm 200 cv efetivos.

 

Chega, senão isso vira um teste... curtam as fotos:

 

(R8: lindo, lindo e lindo! Foto:Tite)

 

(Crepúsculo do R8. Foto:Tite)

 

Pena que acabou...

 

+    +    +

 

Não esqueci a continuação da Conspiração, só não deu tempo de editar...

 

 

publicado por motite às 01:44
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De Rogério Miron a 28 de Junho de 2008 às 05:50
..Poxa,, eu acho uma tremenda sacanagem um carro esportivo de 220 mil reais ter tração na dianteira.. Esse negócio de tração dianteira foi desenvolvido para diminuir o custo dos carros.. Tração dianteria é uma tecnologia que, na minha opnião, destruiu a evolução de carros. Voltada para carros populares, essa moda pegou até em máquinas mais possantes justo porque a maioria dos pangarés que dirigem esses veículos nem sabem a diferença entre uma tração traseira e dianteira. Aliás, alguns nem sabem o que é tração.. Tração na dianteira é um lixo. Contraria tudo que um carro esportivo deveria ter. Afeta na distribuição do peso, dirigibilidade, a própria TRAÇÃO é pior aproveitada na dianteira. Verdadeiro "automovelzinho". O camarada paga o preço (alto) de ter um carro cheio de chips eletrônicos, frescuras de tudo que é jeito, com um status da marca (luxo),, mas que no fundo não passa de um automovelzinho com a mesma dirigibilidade de um GOL rebaixado e com um motor mais potente.. Esse AUDI TT, na minha visão, colocou-se no mesmo patamar dos automóveis nacionais (no fator "máquina") só por ter essa merda de tração dianteria. Sou revoltado por não existir nessa porcaria de Brasil um carro esportivo decente. Aqui,, todo é baseado na "casca" bonita,, mas se olharem esses carros por baixo, é tudo na mesma "pobreza". Ainda bem que a paixão material da minha vida é motos.. Imagina vc ter q gastar 220 mil reais para andar num carro frouxo, e com tração dianteria,, putzz, suicidava. (obs: o outro AUDI - R8 - isso sim é um carro,, mas custa mais de meio milhão de reais).
De Ruback a 18 de Agosto de 2011 às 18:34
Por mais um pouco leve-se o TTS, tração nas 4 e 272 cvs, que apesar de não parecerem muito com o cambio de dupla embreagem e AWD faz 0-100 em 5.2 é um baita brinquedinho legal =]
De Roger a 18 de Agosto de 2011 às 18:43
Nossa,, quando escrevi isso,, em 2008, estava levemente revoltado.. Exagerei ! rsss. Com certeza Ruback, tração nas 4 me deixaria muito feliz. hehe. Abraços !!
De Douglas Studzinski de Souza a 28 de Junho de 2008 às 12:49
São carros legais mesmo, mas acho mais interessante carros sem estes recursos de eletrônica: Guiar no braço é muito mais emocionante. Porém devemos lembrar que eles são pensados para "playboys" ou "Titios" fora de forma ficarem se achando o Airton Senna... Pode-se virar mas rápido na pista com esses gadgets, porém sou um romântico...

Gosto do Audi TT, mas 200cv para um motor 2.0 TURBO é pouco. O nosso Civic SI tem isso ASPIRADO... Motores cívis 2.0 já andam na casa dos 140~150 cvs... E pagar 220 mil pra levar pau na arrancada de o a 100km/h de uma Rd 350...

Mas no fundo, no fundo... que inveja!!!
De Anónimo a 28 de Junho de 2008 às 18:20
pode contar os detalhes técnicos de pilotagem pq garanto que todos queremos saber como dirigir um carro desses caso calhe de los cair em mãos
De Angelo Rossini a 30 de Junho de 2008 às 17:54
Infelizmente os carros esportes ficam cada vez menos emocionantes ! A eletronica está controlando tudo ! Pra compensar os esportivos estão cada vez mais lindos !
De Fabio Nogueira a 14 de Julho de 2008 às 13:27
Tite, não da pra negar que isso foi um teste e tão bacana quanto os que vc faz de moto!

Abraços

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 14 seguidores

.Procura aqui

.Julho 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Os dias eram assados: o p...

. Os Dias Eram Assados - o ...

. Os dias eram assados. Com...

. Scooter mania nacional

. Ainda melhor!!!

. Motociclista, esse esquec...

. Salão no Rio em nova data

. Tudo que você queria sabe...

. Quem experimenta pede Biz

. Salão da recuperação

.arquivos

. Julho 2019

. Junho 2019

. Março 2019

. Junho 2018

. Abril 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds