Segunda-feira, 19 de Janeiro de 2009

A Volta das 500 Milhas Brasileiras

 

(Largaram!!! As provas longas de moto voltaram... Foto:Tite)

 

Você sabia que ontem (domingo) foi disputada as 500 Milhas Brasileiras de Moto? Não? E seu vizinho sabia? O seu colega de trabalho? Seus primos? Alguém sabia? Fiquei sabendo no ano passado, na última etapa do campeonato Brasileiro de Motovelocidade. Mas até a semana da prova pouca gente acreditava que as 500 Milhas voltariam à vida.
 
Esquecida por 18 longos anos, a mais tradicional prova do motociclismo brasileiro voltou por iniciativa do Centauro Moto Clube, o mais antigo clube de motociclismo do Brasil. Muita gente duvidou que a prova fosse realizada, mas ontem, à uma hora da tarde, as 26 motos inscritas largaram. E ao ver os pilotos correndo em direção às motos, na largada estilo Le Mans, voltei 30 anos no tempo!
 
As corridas de moto nos anos 70 reunia público, pilotos da América do Sul, mas sobrava desorganização. Eram tempos românticos, quando piloto era macho mesmo, corrida com macacão de couro feito no Edmundo Correia & Filhos, as motos tinham freios péssimos e pneus idem. O público penetrava nos boxes, invadia a pista e era uma zona sem pé nem cabeça.
 
A Kawasaki (86) da família Mello e a Triumph (28)  dos isntrutores do curso. Foto:Tite)
 
O José Roberto Belstrein, que hoje preside o Centauro Moto Clube, merece a honra de ter ressuscitado essa tradicional corrida, mas ainda precisa melhorar – e muito – o trabalho de organização. Não quero ficar só chutando, mas só não teve uma cidente mais grave porque Deus protege os bêbados, as criancinhas e os pilotos de moto! O importante é que tivemos a prova de volta!
 
Gordinhos
Uma semana antes da prova recebi um convite do meu amigo Eric para correr com uma Triumph 675 ao lado dos instrutores do curso SpeedMaster/Motorsco Homero e Eduardo Vilella. Foram décimos de segundo de hesitação, mas desde que parei de correr, em 1999, prometi a mim mesmo nunca mais largar em uma prova de motovelocidade. Minha preocupação era sempre a possibilidade de me envolver um acidente besta e quebrar um daqueles ossinhos ridículos como escafóide e clavícula que demoram 45 dias pra soldar. Como autônomo eu não posso ficar 45 dias no estaleiro!
 
Assim, fiquei de fora mas fui ver meus amigos se divertirem. Encontrei vários PVC (Piloto Velho de Competição) se espremendo em macacões dois números menores! Alguns deles estavam parados há mais de 20 anos!!!
 
A equipe mais festejada era da família Mello. O maluco Leandro Mello decidiu fazer uma surpresa ao pai, o coronel Pedro Mello, que fazia aniversário na véspera da corrida. Sem avisar nada, Leandro e o irmão Thiago inscreveram o pai na equipe e o “véio” quase enfartou quando soube que teria de correr de Kawasaki ZX-6R sem nem sequer treinar! Não se sabe o resultado, ainda, mas até a hora que eu fiquei em Interlagos eles estavam entre os 6 primeiros!
 
Nem vale a pena comentar sobre a desorganização nos boxes, porque era importante realizar a corrida. Agora já se pode pensar em um campeonato paulista, ou mesmo brasileiro, de endurance. Provas de 6 ou 8 horas de duração, com equipes de três ou quatro pilotos.
 
Muita gente dentro dos boxes - perigo! Foto: Tite
 
O importante foi realizar a corrida. Vamos torcer para que alguma grande empresa do setor veja a importância dessa categoria e se interesse em patrocinar. Sem dinheiro não tem como contratar uma equipe profissional. E só com amigos e voluntários não se faz um grande evento!
 
Parece que o trio vencedor foi formado pelo jornalista Rafael Paschoalin, o veterano Sidnei Sigliano e Diogo Marcelo, com uma Triumph 675.  Não tenho certeza porque não fiquei até o final pra pegar os tempos e a classificação.
 
Doca (de amarelo) passa instruções pro Minhoca. Foto: Tite
 
A parte chata é que meu grande amigo Minhoca Zampieri estava muito bem em parceria com outro amigo, o Doca. Ele foi alvejado por uma moto e ambos caíram, deixando um rio de óleo no “S do Sena”. Mais cinco motos caíram e foi uma zona! Felizmente ninguém se machucou com gravidade e a prova continuou.
 
Prefiro ver essas 500 Milhas como um retorno das provas de longa duração e não entrar muito no mérito da organização. Já trabalhei com corridas e sei o quanto é difícil fazer uma prova sem dinheiro. A Dimep, do meu amigo Dimas de Mello Pimenta (como eu tenho amigos!!!) patrocinou e merece ser citada por acreditar nesse projeto. A Michelin fez uma parceria e vendeu os pneus a preços especiais. Mas nenhuma empresa do setor da indústria de motos se interessou em investir.
 
Leandro Mello (de macacão) observa o trabalho da equipe do Spiga. Foto:Tite
 
Motociclismo de velocidade é assim mesmo: todo mundo quer associar a imagem ao glamour das corridas, mas na hora de cacifar com grana... sai fora! Quem sabe agora, depois de ver a volta das 500 Milhas, as indústrias decidam investir uns trocados nessa coisa chata e sem emoção chamada motovelocidade.
publicado por motite às 14:05
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De a 20 de Janeiro de 2009 às 04:37
"Deus protege os bêbados, as criancinhas e os pilotos de moto! O importante é que tivemos a prova de volta!"
É isso ai Tite, mas foi duca. Tipo quando lhe pedi para o locutor descer a moçada do heliponto, falta de bandeirinhas, e invasão de pista no S.
O Zé mandou bem peitando fazer a prova, mas exemplo, o responsável contratado pela fiscalização de pista, permitiu cenas como esta,
http://www.velocidadeonline.com.br/fotos/displayimage.php?album=692&pos=88
e a sequência,
http://www.velocidadeonline.com.br/fotos/displayimage.php?album=692&pos=89
No site do Rodrigo, www.velocidadeonline.com tem mais fotos.
Mas enfim valeu, e lógico que a coisa se rolar tem de ser pró, pois ficar dando sorte para o azar é complicado. E o Zé e o Osmar sabem como fazer a coisa.
abs.
De Claudinei Cordiolli a 20 de Janeiro de 2009 às 17:56
Grande Tite,

É bom ter esse tipo de prova novamente, pena que não foi noticiado e portanto não compareci.

Um grande abraço e parabéns à Familia Mello pela participação, principalmente ao "véio" Pedrão que pode mostrar todos os anos de experiência na pista.

Abraços
De Fabio AE - JIJOE a 21 de Janeiro de 2009 às 03:05
Ôpa! A inciativa merece os parabéns como você comentou mesmo Tite, reforçado pelo Dú. Com certeza o próximo tem a chance de ter a organização "profissionalizada", mas de alguma forma o evento tinha que sair da saudade.
Como comentado no início, uma melhora no marketing tb seria muito bem vinda!
[]´s!
De WilL a 23 de Janeiro de 2009 às 16:53
Olá quero dizer que eu entrei nos boxes sem credencial e talz, fui mto cuidadoso em não atrapalhar ninguem. Mas esse cara da foto ai já apaelow né? Pelo amor de Deus isso nao c faz!
O negocio ali era serio!

Quem achar esse mlk da uns tapa por mim.

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 14 seguidores

.Procura aqui

.Julho 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Os dias eram assados: o p...

. Os Dias Eram Assados - o ...

. Os dias eram assados. Com...

. Scooter mania nacional

. Ainda melhor!!!

. Motociclista, esse esquec...

. Salão no Rio em nova data

. Tudo que você queria sabe...

. Quem experimenta pede Biz

. Salão da recuperação

.arquivos

. Julho 2019

. Junho 2019

. Março 2019

. Junho 2018

. Abril 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds