Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008

Vida corrida - Postura de piloto

 

(postura é fundamental para pilotar certo. Foto: João Lisboa)

 
Para dizer a verdade, postura é tudo na vida. Experimente ficar torto e sua coluna vai te presentear com uma hérnia de disco. Quem neste mundão de meu Deus não sofre de lordose, cifose ou escoliose? São as lesões mais comuns decorrentes de má postura. Se já temos uma postura entortada fazendo ações que fomos naturalmente projetados como andar e sentar, imagina para ações que nos foram apresentadas recentemente, como datilografar (argh), sentar no chão de restaurante japonês ou pilotar motos.
 
Diariamente vejo motociclistas postados completamente tortos em cima da moto. Além de agravar os problemas de coluna, dificulta a pilotagem a ponto de aumentar consideravelmente os espaços de frenagens e colocar a segurança do motociclista em risco.
 
Para entender a postura correta é preciso primeiro determinar a anatomia da moto. Cada moto exige uma postura específica, porque depende basicamente da posição das pedaleiras, altura do guidão, distribuição de massas etc. Mas algumas posturas são comuns a todas as motos.
 
Independentemente do tipo de moto, todas elas são iguais em uma coisa: o piloto é uma extensão da moto, portanto, quanto menos ele atrapalhar, melhor. Repare como é a seqüência do sistema de amortecimento dianteiro. Começa no pneu, que é o primeiro a receber um impacto e assumir a função amortecedora, montado em uma roda. As rodas também exercem função amortecedora; rodas raiadas absorvem melhor as irregularidades do que as rodas de liga leve; pense nisso na hora de escolher sua próxima moto. A roda é ligada a um eixo, que por sua vez é preso nas bengalas. As bengalas – ou amortecedores hidráulicos, invertidos ou não – são efetivamente quem vão absorver a maior parte dos impactos do solo. Por mais eficiente que sejam, parte se transmite para a moto e o primeiro a receber esse impacto excedente é o guidão (ou semi-guidões). Logo acima do guidão estão as mãos e braços do motociclista.
 
Por aí se tem uma idéia de como a postura pode interferir na pilotagem. Seja qual for o tipo de moto, mãos e braços ficam posicionados da mesma forma. Começando pelos braços: eles devem ficar levemente dobrados, nunca, JAMAIS esticados. Como os braços são uma extensão da moto, quando mais rígidos estiverem o efeito será o equivalente a endurecer a suspensão dianteira. Lembre-se, suas mãos estão praticamente segurando as bengalas. No caso das motos esportivas com semi-guidões pilota-se efetivamente segurando no garfo.
 
(Basta um dedo para frear e a manete precisa apontar levemente para baixo)
 
Já as mãos ficam sempre apoiadas nas manoplas de forma a manter o punho relaxado, sem forçar nem para cima nem para baixo. O punho direito será mais exigido porque precisa percorrer todo o curso do acelerador. Aqui vai uma advertência: nem toda moto sai de fábrica com o acelerador corretamente regulado. Então faça um teste: você precisa ser capaz de percorrer todo curso do acelerador sem forçar muito o punho. E o retorno no acelerador precisa ser 100% com a mão relaxada, sem exigir “empurrar” o acelerador de volta.
 
A manete de freio será acionada apenas com DOIS dedos. Isso mesmo, às vezes até com um dedo. Os outros três devem segurar firmemente a manopla. Se a manete de freio estiver esmagando os outros dois dedos é sinal que está mal regulada. Nas motos com freio a tambor é mais fácil de esmagar os dedos, por isso é melhor usar os quatro dedos mesmo. As únicas motos que usam freio dianteiro a tambor são as pequenas utilitárias que não são tão exigentes de pilotar.
 
A mão esquerda aciona a embreagem com os quatro dedos. Existe um vício de motociclistas mais velhos (não é meu caso) que mantêm dois dedos na embreagem constantemente. Isso é um resquício das motos dois tempos que travavam de uma hora pra outra e quem não acionava a embreagem rapidinho corria o risco de beijar o chão. Hoje, em motores quatro tempos, isso não é mais necessário. Idem com relação à manete de freio, não deixe os dedos repousados nas manetes, a menos que esteja em uma competição!
 
Nas motos esportivas é fundamental posicionar as manetes de freio e embreagem ligeiramente apontadas para baixo. O limite é a carenagem, se pegar na carenagem quando virar o guidão é porque está baixa demais, pode deixar uns 2 cm de distância da carenagem. Essa posição é importante para o piloto conseguir fechar todo acelerador antes de começar a frear. Já vi muitos alunos do curso de pilotagem freando a moto com um pouco do acelerador acionado.
 
Pernas e pés
Como mostrei no post anterior, motos são pilotadas (também) com as pernas e pés. Por isso é importante saber como colocá-los. Vamos por tipo de motos.
 
Esportivas, sport-touring, nakeds, fora-de-estrada, utilitárias (que dizer, TODAS, menos as custom...). – Deve-se manter sempre apenas as PONTAS dos pés nas pedaleiras. Essa recomendação visa:
 
a)      Dar mais equilíbrio à distribuição de peso nas pernas; assim o piloto não concentra todo peso do seu corpo apenas na bunda. Evita o esforço exagerado na coluna lombar.
b)      Aumenta a sensibilidade para distribuir a força dos pés nas pedaleiras conforme o lado da curva.
c)      Evita que a ponta do pé toque no asfalto nas curvas
d)      Evita que a ponta do pé direito repouse sobre o pedal de freio. Sem perceber o motociclista aciona levemente o freio que se mantém constantemente em contato com o disco. Isso gera calor, superaquece as pastilhas e o fluido de freio. Então, quando chegar a hora de frear o piloto descobre que está sem freios!
e)      Evita que o pé esquerdo acione acidentalmente a alavanca de câmbio.
f)        Principalmente nas motos esportivas reduz o cansaço
 
(só a ponta do pé nas pedaleiras dá mais sensibilidade)
 
Custom – Bom, aqui elas se dividem em duas turmas,
 
a)      As que têm pedaleira tipo plataforma – nestas o piloto só precisa prestar atenção para não apoiar a ponta do pé nos pedais de freio e câmbio.
b)      As que têm pedaleira normal – aqui o cuidado, além de não manter as pontas dos pés apoiadas nos pedais de freio e câmbio, é com o calcanhar! Nas curvas deve-se subir bem o calcanhar na pedaleira porque se raspar no chão vai dar um baita susto, além de gastar a bota!
 
Não sei de onde surgem algumas manias ridículas e absurdas, mas os maiores difusores das grandes bobagens sobre duas rodas são os motoboys, mototaxistas e correlatos. Inclusive quem NÃO É motoboy, mas tem alma de motoboy!  Uma das manias mais perigosas é levantar as manetes lá pra cima para não bater nos espelhos retrovisores dos carros. Essa posição pode atrasar o tempo de reação em frenagens em mais de um segundo. Se o mano estiver a 60 km/h vai percorrer 16,6 metros a mais para imobilizar a moto. Não é à toa que sofrem tantos acidentes...
 
Outra mania que se espalha como catapora em jardim da infância é pilotar com o calcanhar na pedaleira e a ponta dos pés para os lados. É uma posição tão ridícula que nem sei como reproduzir.
 
Por último, alguém neste mundo pode me explicar esta mania que os motociclistas brasileiros têm de usar meias BRANCAS!!! Não importa o tipo de sapato, basta olhar e lá estão as meias brancas. Essa eu não acho explicação.  

 

 

publicado por motite às 22:00
link do post | favorito
De lucas /garoto a 24 de Setembro de 2008 às 23:34
caramba, muito legal hein, tite! obrigado pelas informações!

só fiquei na dúvida com relação ao post passado de quanto se vira no contra-esterço e quanto se vira com as pernas e pés.

pois quando a velocidade aumenta achei que fica muito difícil virar só com as pernas, a moto fica mais "dura" de inclinar, tendendo bastante a se manter reta. já com o contra-esterço me parece bem mais macio e fácil...

se puder nos iluminar mais um pouco =)

abraços
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 14 seguidores

.Procura aqui

.Julho 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Os dias eram assados: o p...

. Os Dias Eram Assados - o ...

. Os dias eram assados. Com...

. Scooter mania nacional

. Ainda melhor!!!

. Motociclista, esse esquec...

. Salão no Rio em nova data

. Tudo que você queria sabe...

. Quem experimenta pede Biz

. Salão da recuperação

.arquivos

. Julho 2019

. Junho 2019

. Março 2019

. Junho 2018

. Abril 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds